TORRE

A Torre no Tarô

“Não há despertar de consciência sem dor. As pessoas farão de tudo, chegando aos limites do absurdo para evitar a sua própria alma. Ninguém se torna iluminado por imaginar figuras de luz, mas sim por tornar consciente a escuridão.” – Carl Jung.

Esta reflexão é de um dos meus melhores mestres para o meu aprendizado de tarô, o pai da psicologia analítica, Carl Jung. E não, Jung não era tarólogo nem professor de tarô.

Mas, estudar o pensamento de Jung sobre a psique é o melhor que um simpatizante do tarô pode fazer, principalmente, no sentido de aprender as estruturas arquetípicas associada ao nosso desenvolvimento psíquico.

E, como vamos observar nesse texto, a frase acima demonstra, claramente, o intenso processo de dor que passamos na sequência dos Arcanos 12 o Pendurado (Enforcado) ao arcano 16 a Torre (Casa De Deus).

Este caminho também é conhecido como processo de individuação onde o arquétipo do “SELF” exerce todo o seu poder e sua força sobre o nosso frágil “EGO” para a sua iluminação e salvação!

Escrevo este texto, em março/23, em razão da demanda que estou tendo com a maioria das pessoas que estão em um trabalho de desenvolvimento psíquico e espiritual comigo, exatamente, por estarem vivendo este difícil e desafiador caminho e ou ritual de passagem.

Então, no sentido de ajudar as pessoas que estão vivendo este processo, trago um pouco mais do significado do ápice da dor no caminho de individuação representado no tarô, simbolicamente pela carta da torre.

Enfim, nesse estágio do arcano 16 a torre que é o último ritual de passagem do caminho da dor, também, representa o ritual do início da nossa libertação, através das quebras das nossas defesas através das couraças.

O “SELF” (Alma) nos fará atravessar tormentas e tempestades e seus raios irão destruir as estruturas que nos oferecia a falsa sensação de segurança e que ao mesmo tempo nos aprisionou durante toda a vida até aqui, como podemos ver no arcano anterior da sequência do tarô, nas correntes do arcano 15 o Diabo.

Entenda, a Alma em sua enorme misericórdia e ao mesmo tempo severidade não só permite a nossa queda como provoca a nossa queda, nos levando por inúmeros motivos a um estado profundo de decepção e muitas vezes até de grande depressão.

Ao cairmos no chão, como pode ser visto na imagem deste arcano, através da ação do raio e do som dos trovões começamos a acordar e parar de viver com “ilusões” e passamos a ver melhor a tal “realidade”.

  • Mas, atenção! Ledo engano quem acredita que este ritual acontece uma única vez!

Fazendo uma alusão a fantástica mitologia da trilogia “MATRIX”, o protagonista “NEO” era a sexta versão de uma história que já havia se repetido 5 vezes!

Ou seja o “SELF” irá enviar tempestades e lutas cada vez maiores, também, como podemos ver na última luta do último filme da trilogia entre “Neo” x “Smith”.

O “SELF” nos quebra em tantas partes quantas forem necessárias, de novo e de novo, até que você (EGO) jogue a toalha e na resignação, finalmente, há o entendimento para que a luz possa penetrar em nós.

Cena, também, muito bem retratada no ultimo filme da trilogia “MATRIX”, na ultima luta, onde o protagonista “NEO” permite que o conteúdo “SMITH” o penetre (integração) e uma grande explosão de luz se faz, representando que tudo foi restaurado, voltando tudo ao equilíbrio, em todo o sistema psíquico.

Sinto lhe dizer o “SELF” é um arquétipo e como tal não se cansa e irá continuar de forma implacável até destruir tudo o que é supérfluo para o propósito maior da sua vida até que reste somente o importante.

E por último o “SELF” continua a retirar o que temos até que paremos de culpar os outros e a nós mesmos, paramos de reclamar e começamos a agradecer aceitando a vida e tudo como “É”.

  • SIM! Todos nós em algum momento da nossas vidas acharemos que a história de Jó é suave!

As vezes no ápice desse momento de rupturas e perdas, as circunstâncias da vida, também, lhe distancia das pessoas que você ama e envia pessoas conflitantes para que você possa entender que todos são conteúdos dentro de você e que precisam ser vistos dessa forma através de profundas reflexões e ou em sérios processos terapêuticos.

Diga-se de passagem, se possível, com um bom terapeuta, caso contrário, você corre o risco de acreditar que irá se curar e até se torna um ser iluminado por imaginar figuras de luz, tanbém! O que eu chamo de se tornar um “esquisotérico”!

Ou seja, vamos entender definitivamente, exatamente, através das pessoas da sua vida e ou desse entendimento através da reflexão desses conteúdos, você deixa de olhar para fora e começa a refletir o que você é por dentro trazendo as verdadeiras curas.

Vislumbramos um caminho de forma mais despojada através de uma maior consciência de que não somos apenas esse pequeno ego, esse corpo efêmero, mas muito mais do que isso, somos a alma que o corpo contém.

Nesse momento após a vida ter lhe tirado de um caminho que você acreditava buscar a tal felicidade no horizonte perdido da vida, agora, a própria vida lhe apresenta encruzilhadas para que você pare de querer controlar tudo e apenas flua como um rio em total “DEVIR” recuperando a sua FÉ!

Agora sim, de posse da sua espada (fé) você irá notar algumas mudanças significativas, afinal, talvez, depois de uma torre em sua vida, você não tenha mais nada e não seja ninguém, mas, tornou-se Tudo e, principalmente, LIVRE, enfim, a vida não te deu o que você queria, mas o que você precisa para evoluir.

A evolução que fará você parar de levar tudo tão a sério e passará muitas vezes a rir mais, até de você, em algumas situações, que antes só havia estresse, irritação e explosão!

Realmente a torre, irá te quebrar, te podar, te decepcionar, te “fuder”!

Quase acabará com a sua vida! Mas, também, te despertará e o teu melhor se manifestará e agora você emana uma linda luz própria que é o verdadeiro amor incondicional e crístico que habita o teu coração.

  • Mas, ainda haverá um grande problema, você irá achar a vida breve porque, finalmente, você aprendeu a Viver!

Não! Não é um milagre a sua nova postura diante da vida como ela é aqui e agora.

Apenas você entendeu que tudo é um Milagre!!!

****
FIM.

****

  • Venha realizar a formação do “Tarô Consciência”, colocando em prática, os poderosos princípios e forças orientadoras desses arquétipos em sua vida.

Principalmente, você, que está buscando ou já estudando outras ciências consideradas esotéricas ou espirituais e ou ciências do autoconhecimento como a filosofia, a psicologia, a psicanalise, entre outras ou iniciando na sua busca espiritual, preste atenção no parágrafo abaixo:

  • O propósito e os conceitos que estruturei para a didática do curso “Tarô Consciência”, em relação a psique humana, passando por todo tratado “Freudiano” e “Junguiano” e entendendo, principalmente, o que são as funções psíquicas arquetípicas dos 78 arcanos do Tarô, irá ser um grande facilitador e fundamental base para os seus estudos. Sou a prova viva desta afirmação.

Agora, depende de um ato seu.

CLIQUE AQUI E VEJA  A AULA DE APRESENTAÇÃO DO CURSO

TARÔ CONSCIÊNCIA!

*****

  • Trabalho com a energia da sincronicidade através da afinidade, se gostou desta reflexão, compartilhe com que você tem afinidades!

===> Se inscreva agora para o inédito e diferenciado curso “Tarô Consciência”:

Clique aqui!

Vamos na fé!

 Fraternal abraço e até breve…

(Post: 022) – (31/03/23).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Arhan

Arhan

Em 1999, Sérgio Padovan deixou uma sólida carreira de duas décadas em TI (Informática) para se dedicar exclusivamente ao Tarô, sua inusitada descoberta e futura paixão!

Como resultado dessa grande transformação, Sérgio optou por adotar um novo nome, ARHAN – que significa o liberto em sânscrito – e focar suas energias na construção de um novo modo de vida.

Já se passaram mais de 20 anos e, nesse período, as experiências positivas como tarólogo, terapeuta e, principalmente, professor se ampliaram, a partir do constante estudo e a dedicação absoluta ao Tarô, além das trocas promovidas em milhares de consultas e cursos.

Arhan, além do estudo das “Cartas de Tarô”, aprofundou-se em outras ciências, como:

Psicologia Jungiana;

Antroposofia;

Mitologia;

Filosofia;

Metafísica;

Física Quântica;

Entre outras importantes ciências.

Esse conhecimento consolidou uma nova maneira de usar o oráculo, tanto para as previsões como do ponto de vista terapêutico e espiritual:

  • “Tarô Consciência”.

Na Mídia

  • ARHAN COM CORTELLA EM DIÁLOGOS IMPERTINENTES - TV SESC, PUC E FOLHA DE SP.

    ARHAN apresenta Taro (Tarot) em Diálogos Impertinentes com o professor Mário Sérgio Cortella.

  • ARHAN COM ANA MARIA BRAGA NO PROGRAMA MAIS VOCÊ - GLOBO.

    ARHAN apresenta Taro (Tarot) no programa "Mais Você" com Ana Maria Braga.

  • ARHAN COM CÁTIA FONSECA NO PROGRAMA MULHERES - GAZETA.

    ARHAN e as orientações com o Taro (Tarot) no programa “Mulheres” com Cátia Fonseca.

  • ARHAN CONCEDE ENTREVISTA PARA A TV UNIESP.

    ARHAN concede entrevista para a TV UNIESP e resume em 8 minutos tudo o que é o Tarô!

Veja mais vídeos em meu canal no YouTube